All Tasks - Frances: De língua universal a língua da cultura

Serviço de Tradução Técnica do Francês

De língua universal a língua da cultura

Conheça algumas sutilezas, aspectos culturais e históricos do idioma que precisam ser consideradas na hora de realizar uma tradução para o francês. A All Tasks, empresa de tradução, especializada em realizar traduções de documentações técnicas de grande porte, normas técnicas, tradução de manuais técnicos, mantém uma equipe qualificada e capacitada para atender a grandes demandas para esse idioma, importante principalmente pelo que representa em termos de influência cultural e filosófica.

Por Bruno Meng

O francês, além de ser a língua estrangeira mais ensinada no mundo depois do inglês, é considerado idioma oficial por 26 países e conta atualmente com mais de 500 milhões de falantes no mundo, segundo os dados da Organização Internacional da Francofonia.Considerada uma instituição francesa, o idioma se espalhou pelo mundo nas asas do ímpeto dominador de Napoleão e, posteriormente, através da forte atuação neocolonialista francesa, que acabou por expandir as fronteiras do idioma pelos cinco continentes.A língua de Racine foi o principal veículo de disseminação da cultura ocidental no mundo árabe e na África, assim como influenciou fortemente a cultura e a formação das instituições latinoamericanas, com grande destaque para o Brasil. As universidades brasileiras, por exemplo, foram formadas através das chamadas missões francesas, que moldaram o caráter do ensino superior no país e deram continuidade à forte influência das correntes filosóficas francesas. Essa influência pode ser notada se observarmos uma curiosidade: a frase “Ordem e Progresso” da bandeira brasileira trata-se da inscrição do lema do positivismo, corrente formada pelas ideias do pensador francês Auguste Comte.A cultura francesa e sua língua tiveram um importante papel de mediação entre as jovens nações e as demais culturas vigentes. Foi por intermédio das traduções francesas, por exemplo, que os brasileiros do século XIX leram autores clássicos da literatura mundial, como Goethe, Byron e Schiller. Tal mediação trouxe como consequência, a gradual substituição do estudo das culturas e línguas clássicas pelo estudo do francês, língua considerada “universal” no início do século XIX, período em que a França atingira seu apogeu de prestígio e de função civilizadora. Foi, portanto, por meio do francês – cujo ensino era obrigatório — que os brasileiros aprenderam a ver o mundo, que adquiriram o senso da História, e tiveram a oportunidade de conhecer os clássicos de outros países, inclusive gregos e romanos.Se na cultura, a língua francesa teve o papel de importante veículo de disseminação, especificamente no próprio campo das línguas ela não fica para trás. A primeira organização racional de um idioma e de sua lógica, aquilo que conhecemos hoje comumente por gramática, foi feita pelos franceses. A Gramática de Port-Royal foi, no século XVII, um estudo pioneiro que daria forma ao estudo e à documentação da estrutura, das regras e dos usos de todas as línguas modernas.

Hoje o francês continua sendo um idioma influente graças à força econômica francesa, a segunda maior na Europa, e à política de disseminação do idioma endossada pelo governo francês. A Organização Internacional da Francofonia foi criada como órgão representativo da língua e trabalha ativamente na promoção do idioma, realizando eventos e promovendo congressos de estudo mundo afora. Há inclusive o dia internacional da francofonia, comemorado em 20 de março.

Além disso, é importante citar a mitológica Paris, a cidade que mais recebe turistas no mundo, e que contribui para o imaginário de beleza, riqueza, poderio e elegância relacionados à cultura francesa e que eleva ainda mais o status do idioma francês.

Língua universal, Língua influente, língua veículo, língua de cultura, várias são as facetas assumidas pela língua francesa na história do mundo moderno. Vários são os motivos pelos quais a cada ano mais e mais pessoas se encantam pelo idioma e começam a aprender francês.